Favoritos

Você não favoritou nenhum post ainda. Para fazer isso, basta clicar no ícone presente nas páginas.

  • Benefícios da atividade física: tudo para sair do sedentarismo!

  • Quando você faz exercício físico ocorre a liberação de neurotransmissores que geram a sensação de alegria e felicidade. Se é uma atividade que você gosta, tudo é potencializado.

    Você já observou a postura de quem faz exerciícios físicos? Em geral, é aquela pessoa que mantém o olhar para o horizonte, transmitindo uma sensação de autoconfiança que transborda, cheia de vontade e coragem.

    Exercício físico é ouro na nossa vida. Poucos hábitos de vida têm um efeito tão positivo para o corpo e a mente. Um dos reflexos mais imediatos, muito antes de essa prática começar a dar as suas contribuições efetivas para os nossos indicadores de saúde, é a ampla sensação de bem-estar, de liberdade, de nos sentirmos ativos, alegres e empoderados.

    Muitas vezes somos despertados para uma vontade de melhorar toda a nossa vida, o que inclui cuidar mais da alimentação, dormir melhor, aumentar o convívio com as pessoas de que gostamos e tantos outros hábitos positivos. Isso é o mais bacana. As pessoas começam a se exercitar, vivenciam essa sensação boa e usam isso como um gatilho para provocar mudanças mais profundas.

    Por que começamos a fazer exercícios físicos e paramos?

    Quando começamos a fazer exercícios físicos, entramos em um ciclo virtuoso. Ficamos animados por estarmos nos cuidando e saindo do sedentarismo. Passamos a ter um novo olhar para a vida, nos sentimos fortes, com a autoestima elevada.

    Mas, se movimentar o nosso corpo provoca tantas coisas boas, por que é tão comum começar a se exercitar e depois parar? Contratamos um personal trainer, compramos uma roupa adequada e o melhor tênis. Acreditamos que desta vez vai ser diferente. Mas, por que, mesmo com toda essa motivação, muitas vezes não conseguimos?

    O ponto de partida fundamental nesse caso é o fato de que você precisa ter consciência do benefício que a prática de uma atividade física ou exercício fará na sua vida. Escolher algo que você goste de fazer também é decisivo para a continuidade. Esportes ou uma caminhada? Adrenalina ou algo mais relaxante? Quer ter a companhia de um personal trainer ou prefere estar sozinho?

    Escolher algo que você goste de fazer também é decisivo para continuar fazendo exercícios físicos

    Um novo olhar para o movimento significa estimular a fusão corpo-mente e descobrir o prazer de praticar o exercício físico.

    Crédito: Rawpixel.com

    Se você está em processo de emagrecimento e escolhe um exercício de que não gosta, pode ter um pensamento de que precisará de uma recompensa pós-atividade:

    “Estou há 40 minutos correndo, algo que odeio fazer. Quando terminar o treino, vou me dar o direito de comer um chocolate”.

    É muito comum isso acontecer. Já quem está fazendo algo de que gosta tende a pensar que a recompensa é o próprio estilo de vida saudável que o exercício físico lhe trará.

    Também fica mais fácil se você optar por um horário adequado a sua rotina e ritmo. Não adianta marcar a caminhada para as 7 horas da manhã se você não gosta de acordar cedo – vai ser grande o risco de você desmarcar, especialmente no início, quando essa atividade ainda não virou um hábito.

    Outra dica é entender que existe um período de adaptação do nosso corpo e da nossa mente para cada novo estímulo. A tentação de desistir e voltar à zona de conforto vai aparecer.

    De repente, você vai sair do trabalho e, em vez de ir para o parque caminhar, começará a cogitar ir direto para casa, tomar um banho e sentar no sofá para ver a sua série preferida. Aí você faz isso um dia, dois e, quando percebeu, perdeu a rotina de movimentar o corpo. A empolgação inicial e uma queda na motivação logo depois são nor- mais, e é justamente nessa fase que é tão decisivo conseguir persistir.

    Uma dica é ter um profissional capacitado para auxiliar você a ter motivação e segurança no treino.

    Existe um treino ideal para sair do sedentarismo?

    Lembre-se: existe um período de adaptação do nosso corpo e da nossa mente para cada novo estímulo. A tentação de desistir e voltar à zona de conforto vai aparecer. Esteja atento.

    Qual é a atividade física ideal? O melhor exercício é o exercício feito. Sim, porque mais vale você trocar o elevador pelas escadas e caminhar algumas quadras até o trabalho do que não fazer nada.

    Isso será suficiente para você ter grandes incrementos na sua saúde? Provavelmente não, mas é um começo. Temos que dar o pontapé inicial, trabalhar o nosso corpo e a nossa mente para aderirmos ao maravilhoso hábito de movimentar o nosso corpo e, enfim, chegar a um ponto em que não conseguimos mais ficar sem.

    A meta principal é sair do sedentarismo. Incorporar a atividade física, mesmo que seja em apenas 15 minutos que você tem livre durante o dia, já traz um ganho em bem viver.

    Se você não gosta de academia, por que forçar a barra e acabar fazendo algo que logo mais será motivo de desistência? Não se boicote nem seja punitivo com você mesmo. Desenvolva o gosto pelo movimento à sua maneira, seja ela qual for, e isso despertará a vontade de buscar mais

    Leia também: 6 tipos de exercícios para sair do sedentarismo

    Benefícios da atividade física

    Crédito:Jacob Lund

    Condicionamento físico integral
    O leque de possibilidades para quem quer aderir ao exercício físico é grande e, como vimos antes, cada um de nós pode fazer aquilo que mais gosta e também o mais indicado para o seu objetivo.

    Para quem está buscando viver bem, sem limitações para as atividades do dia a dia, um caminho muito interessante é o condicionamento físico integral. Nesse tipo de treinamento, trabalhamos ou aprimoramos todas as nossas capacidades físicas, que são força, aeróbia e anaeróbia, ritmo, soltura, descontração, agilidade, flexibilidade, equilíbrio, coordenação, alongamento e respiração.

    A criatividade é o limite. Podemos mesclar caminhada ou corrida com yoga e musculação com treino funcional baseado nas atividades naturais do ser humano.

    Comece agora de olho no seu futuro
    Adotar o hábito de movimentar o corpo é muito importante em todas as fases da vida. Sempre dependeremos do sistema muscular para nos mantermos em pé e do cardiorrespiratório para ficarmos firmes e fortes.

    A jovialidade está em levantar da cama da forma correta e sem dores, ter um corpo ativo, oxigenado, uma mente lúcida e um caminhar com firmeza. E isso vale para qualquer idade.

    Respiração é aliada
    A respiração é uma grande aliada para nos exercitarmos melhor, controlar a nossa ansiedade e aumentarmos a sensação de bem- estar. Respire profundamente, pois isso faz com que mais ar entre nos pulmões, alimentando os músculos. Treine isso em repouso para, depois, aplicar também durante o exercício físico.

    A respiração vai ajudar você a executar as atividades de forma mais eficaz, potencializando os resultados e aumentando a sensação de bem-estar.

    Um olhar novo para o movimento
    O mais importante não é a atividade que você vai fazer, e sim que você se sinta encorajado a se permitir e vivenciar o movimento do corpo no dia a dia com concentração, foco e entrega.

    Para acontecer essa mudança saudável na sua vida, essa virada de chave, é preciso estar focado no que você está fazendo, pois aí os resultados serão muito mais significativos.

    O nosso sistema muscular é o que nos dá o equilíbrio e a sustentação do corpo. Mas de nada adianta fazer um esforço para completar três séries de 15 repetições na musculação se você não estiver concentrado naquele momento. É isso que vai potencializar o resultado físico, mental e espiritual de qualquer atividade que você realizar. Só haverá total conectividade com o que estamos fazendo quando tivermos com atenção plena naquilo.

    Tente repaginar a sua mentalidade sobre o exercício físico. Saia da mesmice. Algumas pessoas já devem ter me visto caminhando de costas ou de lado pela rua. Assim trabalhamos outros músculos e exercitamos o raciocínio e o equilíbrio.

    Mas faça tudo isso, claro, sempre com o acompanhamento e olhar de um especialista que possa orientar a execução do seu treino.

    Quer ajuda para sair do sedentarismo? Fale com a gente!

    Comentários

    Comente ...